Vale tudo, mesmo tirar olhos
29
Fev 12
Pirateada por João Rodrigues, às 14:02Ligação da mensagem | Bombardear
Portugal está a tornar-se um especialista em buracos de diversos tipos. A continuar assim pode criar uma companhia de terraplanagens. Talvez não seja uma boa ideia, porque existem demasiadas firmas do género no país.

Após o buraco madeirense e o buraco de cerca de 20 mil milhões de euros das empresas públicas de transportes, agora foi destapado outro buraco: mais 10 mil milhões de euros de dívidas de câmaras municipais, empresas municipais e serviços autónomos.

Comprova-se que Portugal tem sido bem gerido: todos pedem narta, os bancos emprestam e no fim ninguém paga.

E o pilim, que os municípios pediram, serviu para quê, perguntam vocês? Para construir rotundas decoradas com "arte urbana" e vias de circulação interna e externa, por exemplo - isto é considerado "desenvolvimento".

Ontem o ministro Álvaro Economista visitou o maior produtor europeu de autoclismos (uma empresa lusa). Parece uma metáfora de Portugal - ir pelo cano abaixo, depois de puxar o autoclismo.

Etiquetas:

25
Fev 12
Pirateada por João Rodrigues, às 11:39Ligação da mensagem | Bombardear
Para fazerem concorrência aos humoristas portugueses. A parlamentar Isabelinha Moreira declarou-se drogada, esclarecendo que eram drogas lícitas. Porque os portugueses podiam pensar que seria outro tipo de drogas utilizadas pelos legisladores lusos. Por vezes parece.

Pirateada por João Rodrigues, às 11:29Ligação da mensagem | Bombardear
Esta semana atingimos a era da fé. Inicialmente foi o líder da Jotaéssedê a declarar que o combate ao desemprego é uma questão de fé. Depois foi a ministra Sãozinha das couves a afirmar ter fé que chova.

Em Portugal quando alguém diz tenho fé, deve entender-se fezada. um exemplo: os adeptos do Spórdingue têm fé (entenda-se fezada) que o clube não seja goleado na Liga Europa pelo Manchester City.

Já se iniciaram as rezas a todos os santinhos a pedir chuva, uma baixa do desemprego e uma derrota leve. O método mais seria um telefonema lá para cima, para o S. Pedro, a rogar pela abertura das torneiras.
Etiquetas:

22
Fev 12
Pirateada por João Rodrigues, às 13:42Ligação da mensagem | Bombardear

A notícia do dia é um estudo sobre o custo da água da torneira versus água engarrafada a utilizar pelo parlamento.

Segundo o "estudo", a assembleia da república tem de comprar jarros por um valor de 4680 euros - devem ser feitos em cristal para custarem aquilo. Afinal, estamos a falar da "casa da democracia". Não podem utilizar uma marca rasca de jarros. Dignidade acima de tudo.

Pelo que se entende do documento, vão ter de gastar pilim todos os anos a comprar jarros para a água. Não serão adquiridos uma única vez nem reutilizados. Mas eu posso estar enganado.

Juntaram os custos de pessoal para enchimento, limpeza, colocação e arrumo dos vasilhames, um total de 2730 euros. Os empregados que levam as garrafas de água não podem ser os mesmos para os jarros de água da torneira? Não explica se o valor é por mês ou anual.

Segundo as "contas" do estudo, a água engarrafada custa 259,20 euros por mês apenas na comissão do ambiente. São 12 comissões e 12 meses, façam as contas ao gasto anual.

Registe-se o número de 35 mil litros de água mineral gasta entre Janeiro e Novembro de 2010 - os nossos legisladores bebem muita água para manterem a linha.


Etiquetas:

21
Fev 12
Pirateada por João Rodrigues, às 12:10Ligação da mensagem | Bombardear
É só para se passarem da tola. Chama-se Joe Bonamassa e é um dos melhores guitarristas de blues e blues-rock da actualidade (apesar de não ser muito conhecido).A música é uma versão de Young Man Blues de Mose Allison, um músico de jazz. O vídeo foi gravado no Albert Schnitzer Concert Hall, em Portland, a 14 de Dezembro de 2011. Bonamassa toca uma guitarra dupla (em inglês double necked guitar).
Etiquetas:

18
Fev 12
Pirateada por João Rodrigues, às 14:16Ligação da mensagem | Bombardear
Tenho uma confissão a fazer: sou adepto do saco azul. Cá em casa é o único que usamos para meter o lixo. Provavelmente é o mais dissiminado no país. Como os bons exemplos vêm de cima, os membros do governo do grego também usufruíram de um exemplar anil, onde se inclui cartão de crédito, telemóvel e um fundo de maneio.

Conta a notícia que o graveto não tem rasto - talvez venha da famosa árvore das patacas em que Portugal é pródigo. Já o fundo de maneio é constituído por um despacho do membro do governo ou do chefe de gabinete respectivo; serve para pagar almoços e jantares (a notícia não especifica se são refeições de trabalho ou pessoais. É provável que seja tudo incluído). Isto significa que os governantes não são todos iguais. Quem não constituir um fundo de maneio, fica "lesado" nos seus gastos enquanto ministro.

A ministra Paulinha da injustiça lembrou-se de legislar sobre o valor das prendas que os funcionários públicos e demais trabalhadores do estado podem receber. É uma espécie de legalização da corrupção dentro do estado. Não se pode acabar com ela, juntemo-nos a ela. Mas só um pequeno encosto, porque os brindes foram limitados a 150 euros.

Vou fazer queixa ao provedor de injustiça: existe uma clara descriminação na proposta da governante - os presentes acima de 150 euros são inadmissíveis. Não se pode tolerar esta injustiça.
Etiquetas:

17
Fev 12
Pirateada por João Rodrigues, às 14:04Ligação da mensagem | Bombardear
A Azai continua envolta em polémicas. Agora as irregularidades são na área dos matadouros e do abate de animais doentes - parece que não foram mortos de acordo com as normas, pondo em perigo a saúde pública.

A Azai não quer que os portugueses fiquem doentes, zelando pela nossa saúde. Mas com uns pedidos encarecidos aos inspectores da segurança alimentar, resolve-se o problema e a matança acontece. No fim, não se passam nem se pagam coimas e a economia continua a funcionar.

Há uma semana, o director do Alentejo da mesma Azai foi catado a gastar narta do organismo com a gasolina do carro pessoal. Ninguém o mandou morar em Sesimbra e aceitar um trabalho em Évora. Isso é legal, pelas regras da mobilidade da função pública?

Ontem houve celeuma devido às declarações do deputado Almeida Joãozinho do Cêdêésse sobre a mobilidade geográfica dos funcionários públicos. No meu caso, vou entrar em greve e exigir ao meu patrão um local de trabalho a menos de 1 quilómetro de casa.
Etiquetas:

13
Fev 12
Pirateada por João Rodrigues, às 13:56Ligação da mensagem | Bombardear
Os habitantes do concelho de Castelo de Paiva terão de penar 365 curvas da estrada até Arouca, com o eventual fecho do tribunal e a passagem para Arouca dos processos.

Ontem, em Castelo de Paiva, aconteceu, o primeiro protesto contra o fim dos tribunais. Nos próximos dias e semanas suceder-se-ão mais. No seguimento destas iniciativas, vão começar a surgir comissões de utentes dos tribunais.

Os jornalistas falaram com vários paivenses, que se queixaram da "perda" do tribunal como se fosse a mercearia do lado. Conclusão: o tribunal é algo extremamente necessário, como a compra do pão e leite. E os lusitanos frequentam tribunais todos os dias, gostando de o fazer.
Etiquetas:

10
Fev 12
Pirateada por João Rodrigues, às 14:28Ligação da mensagem | Bombardear
O sindicato dos pilotos da Trap lançou uma campanha publicitária contra a privatização da empresa. Eu lanço outra ideia - e se privatizarem o sindicato?

No anúncio publicado hoje, perguntam se queremos vender aos estrangeiros. Fica subentendido que a companhia pode ser alienada a portugueses. Talvez queiram que o governo venda ao sindicato. Apoiam a privatização, mas depende do comprador.


O anúncio afirma «é dono da Trap». Desconhecia isto. Onde estão os meus benefícios como proprietário da transportadora? Posso viajar à borla? Não. Tenho descontos no preço? Não. Apenas para os funcionários da companhia isso sucede. Os restantes lusitanos têm de pagar.

A outra afirmação do anúncio é uma questão mais profunda - Como ficaria Portugal sem a Trap? Nem consigo imaginar a falta que faz. Já agora: faz falta a quem ou a quê?


Etiquetas:

09
Fev 12
Pirateada por João Rodrigues, às 14:07Ligação da mensagem | Bombardear
Segundo a Rêtêpê, decorre um confronto entre a Alemanha e a Madeira. A chanceler Anjinha afirmou que o bago dos fundos europeus, na Madeira, foi mal gasto em túneis e autoestradas, porque não aumenta a competitividade da economia. A senhora esperava o quê? Que a pasta fosse usada para remodelar ou construir escolas, por exemplo? Se isto acontecesse, o nível dos políticos subiria e isso não é admissível.

Hoje surgiram mais declarações, sendo necessário actualizar para um Alemanha-Portugal. Deve ser o aquecimento para o europeu de futebol. Na primeira parte do desafio, adivinhem como vai o resultado: a Madeira goleia por 5-0. Espantados? Em termos de manhas, rasteiras, golpes baixos, bocas foleiras e outras asneiras, o Jardim Madeirense é imbatível. A chanceler Anjinha nem percebe o que lhe aconteceu.

Na segunda parte do embate, entra em acção um socialista alemão, que é presidente do parlamento europeu. Pelas afirmações do tedesco, Portugal não pode ter a liberdade de escolher com quem ter relações diplomáticas e com quem fazer negócios. Queres apelar ao investimento angolana em Portugal? Primeiro vai a Berlim pedir permissão. Pode ser que a concedam.

Portugal está a abusar da soberania e liberdade que cada estado tem dentro da Desunião Europeia. Quem manda é Berlim e tem de se seguir os ditames germânicos.

Reparem no pormenor de o teutónico se chamar Schulz, apelido alemão com um significado próximo do inglês constable e que em português dá condestável - uma espécie de chefe militar. O germano condestável está a defender a soberania europeia sobre as soberanias nacionais. A diferença está nas armas: este utiliza palavras.
Etiquetas:

Quem é o cromo?
Fevereiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
14
15
16

19
20
23
24

26
27
28


A marear desde
3 de Julho de 2008
A Caveira Vesga no Facebook
Sucata
2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


Pesquisar
 
 photo fumadores.jpg
RSS
blogs SAPO